Programa de Mestrado em Museologia

O Curso de Mestrado em Museologia, confere os seguintes diplomas: 

  • Diploma de Especialização em Museologia. Implica a frequência e aproveitamento dos 2 primeiros semestres do curso,
  • Diploma e Grau de Mestre em Museologia . Quando aprovada a dissertação de Mestrado, nos termos definidos pelo regulamento

 

1º Ano

A Função Social do Museu

25 (S)

10

Ver programa

O entendimento sobre o Património depende da problematização de grandes categorias sócio-culturais como os conceitos de identidade, diversidade, biodiversidade, e multiculturalismo.

Nesse sentido, novos enfoques patrimoniais têm sido tratados pela museologia, ou seja: novos património culturais, o património intangível, a memória social em suas perspectivas diacrónica e sincrónica, como também, os problemas que envolvem memórias e esquecimentos, o poder e as resistências.

A filosofia e os valores subjacentes das instituições museológicas inseridas no seu contexto histórico-político. A vocação dos museus no passado: aspectos artísticos, científicos, sociais e culturais.

Pretende-se também com esta UC uma teorização, reflexão e problematização das grandes questões contemporâneas da museologia social; as suas condições de planificação e de realização e opções sociais e educativas.

Museologia, Património e Desenvolvimento Cultural

25 (S)

10

Ver programa

Após uma fase em que as instituições museológicas eram encaradas somente como um local de contemplação e de enriquecimento cultural dos indivíduos, cada vez mais se coloca a tónica no enorme potencial que encerram enquanto instrumentos de desenvolvimento das regiões e, sobretudo, dos locais.

Estra UC tem por preocupação as questões: Que potencial de desenvolvimento os museus promovem, especialmente nas suas novas formatações e âmbitos geográficos (do museu nacional ao museu local)? Como os museus podem assumir e protagonizar um papel desenvolvimentista?

Propõe ainda uma dinâmica de reflexão sobre as questões do desenvolvimento em relação com os contextos socioeconómicos locais e regionais bem como promover conhecimentos teóricos e metodológicos para a análise dos diferentes contextos de desenvolvimento nas suas várias dimensões (economia, sociedade, cultura...) e a diferentes escalas (nacional, regional e local);

Museologia e Pensamento Contemporâneo

25 (S)

10

Ver programa

Introdução dos “paradigmas” estruturantes do pensamento contemporâneo, que permita um enquadramento do pensamento museológico e patrimonial num nível mais geral de entendimento da realidade.

Grandes “autores-livros simbólicos” do Pensamento Contemporâneo

Grandes “Modos” do Pensamento Contemporâneo (exemplos)

Tendências, correntes, ideias, ideologias, teorias, utopias, escolas, temas, problemáticas, racionalidades, sistemas, mundividências, universos, configurações, gestaltes, modelos, epistemas, paradigmas, controvérsias, catástrofes, complexidades, situações, posições, conceitos portadores, questões vivas, propédias, simpósios, enciclopédias, rupturas, revoluções epistemológicas, acontecimentos, instituições...do Pensamento Contemporâneo.

O contributo de autores particularmente relevantes para o enquadramento do pensamento museológico no Pensamento Contemporâneo tais como Arjun Apadurai, Nestor Garcia Canclini e Hommi Bhabha.

Estudos Aprofundados em Museologia

10 (S); 15(TC)

10

Ver programa

O entendimento sobre o Património depende da problematização de grandes categorias sócio-culturais como os conceitos de identidade, diversidade, biodiversidade, e multiculturalismo.

Nesse sentido, novos enfoques patrimoniais têm sido tratados pela museologia, ou seja: novos património culturais, o património intangível, a memória social em suas perspectivas diacrónica e sincrónica, como também, os problemas que envolvem memórias e esquecimentos, o poder e as resistências.

A filosofia e os valores subjacentes das instituições museológicas inseridas no seu contexto histórico-político. A vocação dos museus no passado: aspectos artísticos, científicos, sociais e culturais.

Pretende-se também com esta UC uma teorização, reflexão e problematização das grandes questões contemporâneas da museologia social; as suas condições de planificação e de realização e opções sociais e educativas.

Laboratório de Museografia e Computação

50(TC)

10

Ver programa

Laboratório de Museografia e Computação

Estágio Curricular

100 (OT)

10

Ver programa

O Departamento assegura a realização dos estágios na vasta rede de Museus portuguesas com os quais tem acordos ou tem tido atividades conjuntas desde 1991. Igualmente conta com uma vasta rede de museus no Brasil, em particular nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador nos quais os alunos podem estagiar.

Nos casos em que os mestrandos comprovem efetiva pratica profissional em Museus ou instituições afins, pode a Comissão Cientifico/Pedagógica autorizar a dispensa de estágio.

2º Ano

Metodologias de Investigação em Museologia

20(TP)

10

Ver programa

No que respeita à formação metodológica e à preparação do projecto de investigação, serão tratados de forma aprofundada diferentes técnicas e métodos de Investigação quantitativa e qualitativa de apoio à preparação e desenvolvimento do projecto de investigação. Distinção entre plano de investigação e plano de redação.

Matrises de viabilidade dos projectos de investigação. Adequação de ferramentas e o perfil dos projetos. As exigências da escrita cientifica. A ética na investigação científica e a responsabilidade social do investigador. Normas para elaboração de teses e dissertações.

Seminário de Investigação

10 (S)

5

Ver programa

Seminário para favorecer a avaliação dos projectos de investigação em curso no âmbito dos Programas de Doutoramento e de Mestrado em Museologia. Este programa assenta na apresentação de relatórios, comunicações, painéis de discussão e conferências temáticas e está direccionado para os alunos e docentes dos referidos cursos.

Reflexão sobre as principais linhas de investigação onde têm sido desenvolvidas os projetos de dissertações e teses, especialmente, no que se refere às metodologias de trabalho e os respectivos impactos nos diferentes contextos académicos e sociais. O Seminário de Investigação está organizado tendo por base as linhas de investigação onde se inserem os diferentes projectos de tese e de dissertação.

Dissertação Científica em Museologia

20 (OT)

45

Ver programa

Dissertação Científica em Museologia